Taylor Swift é acusada de plágio em processo de US$ 42 mi

Taylor Swift está sendo acusada de plágio pelo cantor de R&B Jesse Graham por Shake It Off, de seu álbum 1989. O músico abriu um processo pedindo 42 milhões de dólares de indenização e afirmando que Taylor copiou o refrão de sua canção Haters Gone Hate, apesar de os dois trabalhos terem melodias completamente diferentes. “O refrão é igual ao meu”, disse Graham ao jornal New York Daily News. “Se eu não tivesse escrito a canção Haters Gone Hate, não existiria uma música chamada Shake It Off.

Graham inicialmente entrou em contato com a equipe de Taylor pedindo créditos de coautoria por Shake It Off – que é assinada pela cantora e pelos compositores e produtores suecos Max Martin e Shellback – e por uma selfie com ela (acredite se quiser). Eles responderam dizendo que o pedido do cantor não tinha fundamento. “Eu ia deixar para lá, mas essa canção é minha”, disse Graham.

O álbum Sexy Ladies, que contém a canção Haters Gone Hate, porém, pode nunca ter chegado a Taylor, já que não obteve grande sucesso comercial e nem chamou a atenção da crítica especializada.

É Plágio? Veja você mesmo os vídeos e tire suas próprias conclusões:

Fontes: veja.com

Esta entrada foi publicada em Plágio de Conteúdo, Plágio de Música e marcada com a tag , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *